Categoria: Notícias

Postado em 18/10/2017 17:07

Jurídico do Sindipetro AL/SE denuncia perseguição da Petrobras contra petroleiros que aderiram ao PIDV

O jurídico do Sindipetro AL/SE encaminhou denúncia ao Ministério Público do Trabalho referente a medida discriminatória praticada pela gestão da empresa contra os trabalhadores que aderiram ao PIDV. Estes trabalhadores estão sendo proibidos de adentrar nas dependências da empresa.

A proibição, segundo a administração da empresa, é baseada em uma decisão registrada em Ata da Diretoria Executiva, de 24 de abril de 2014, a qual o sindicato não tem conhecimento do teor.

Essa atitude implica em ingerência direta sobre as terceirizadas, ao escolher os trabalhadores que podem ou não trabalhar nos contratos. Diante disso, o jurídico do sindicato solicitou que o Ministério Público mediasse esse conflito com urgência, tendo em vista o prejuízo dos trabalhadores que estão em risco de perder seus empregos e serem privados de seu salário. 

CLIQUE AQUI para conferir a denúncia na íntegra.

 

Outras da mesma categoria:

+ Ver Todas as Notícias