Categoria: Notícias

Por Sindipetro em 10/09/2019 14:58

Grito dos Excluídos: protestos se contrapõem à retirada de direitos do governo Bolsonaro

Neste sábado, 07 de setembro, dia em que se celebrou a independência do Brasil, protestos pelo país questionaram o falso conceito de liberdade e o não acesso aos direitos pelos trabalhadores. Questionou também a perda de soberania do país com a entrega das riquezas do Brasil ao governo dos EUA. 

Outra pauta que se destacou no Grito dos Excluídos foi a defesa da Amazônia. O governo retirou a fiscalização e liberou os madereiros, grileiros e fazendeiros para exterminar os povos indígenas e colocar nossas florestas a serviço da expansão agrícola. Sabemos que a ajuda dos países imperialistas tem como real interesse controlar as riquezas minerais e a biodiversidade do Brasil.

Os atos, organizados pelas pastorais da igreja católica, sindicatos e movimentos sociais denunciaram os projetos desse desgoverno de ultradireita de Jair Bolsonaro (PSL) que prejudicam os mais pobres e acabam com o mínimo de direito ainda garantido à classe trabalhadora.

A defesa das aposentadorias, da educação, do meio-ambiente, empregos e direitos trabalhistas, assim como a luta contra as privatizações, o racismo o machismo e a LGTBFobia foram as marcas dos protestos que ocorreram em todo o país.

 

Outras da mesma categoria:

+ Ver Todas as Notícias